AMBIENTE NO LITORAL NORTE - PARTE XIV



Mesmo não sendo uma cidade litorânea, como a maioria da região, no site da Prefeitura Municipal de Maquiné nos chama a atenção a colocação dos dias da coleta e o mais importante são as recomendações:


  • Disponha seu lixo apenas nos dias da coleta;

  • Não jogue lixo nas ruas;

  • Mantenha o lixo em sacos plásticos fechados;

  • Não jogue lixo em terrenos vazios.

Reclamações ou observações podem ser enviadas para o email engenharia@maquine.rs.gov.br. No longínquo ano de 2003 lemos no site do governo do Estado na página da SEMA: "Mutirão recolhe 5 toneladas de lixo no Rio Maquiné". Somos informados que durante a atividade, um produtor rural e uma fábrica de rapaduras foram notificados por depositarem lixo plástico diretamente nas margens do Rio Maquiné. Em 2012 mais uma vez, de forma positiva, somos surpreendidos com a notícia : "Mutirão retira cinco toneladas de lixo da Lagoa dos Quadros em Maquiné". Este tipo de elogiável preocupação continuou com algum trabalho de Educação Ambiental? De igual forma, a Prefeitura de Terra de Areia, disponibiliza em seu site dias de coleta. Nem numa e nem outra há qualquer menção à Coleta Seletiva. Em 2011 aparece um importante artigo falando do lixão de Terra de Areia, com lixo vindo de Passo de Torres, bem como do fétido lixão de Capão da Canoa. Sempre é bom que haja registros: https://www.ecodebate.com.br/2011/01/20/o-aterro-lixao-de-terra-de-areia-rs-artigo-de-ana-echevengua/ Para o senso comum de quem não é destas localidades se tem boas notícias sobre seu ambiente rural, com preservação de matas, cachoeiras etc. Como é a Maquiné real? Como é a Terra de Areia real? Não aquelas comunidades para inglês ver. Aguardamos contatos de nossos leitores.

2 visualizações0 comentário