POR QUE LITIGAR?

Adeli Sell

Por que entrar na Justiça? Por que buscar os Direitos em Juízo? Porque é um direito das pessoas de buscar reparos, compensações, direitos em geral.

Quando vejo uma mãe criando filhos sozinhos, enquanto o pai meteu o pé na estrada e não assume sua condição, digo e aqui repito: tem que litigar, brigar pelo direito a alimentos. É um direito das crianças, pelo qual a mãe tem que zelar, cobrar do pai das crianças também.

É o único caso de dívida que dá cadeia.

Se você trabalhou numa empresa e não depositaram teu Fundo de Garantia ou não pagaram tua previdência (INSS) não vacile, pois terás dois anos para litigar, isto é, entrar na Justiça. É justo fazer isso, é um direito que é teu e de mais ninguém.

O que é um reparo? Pode ser desde o muro que o vizinho botou abaixo com o carro dele até um reparo moral, uma compensação por calúnia, difamação ou injúria.

A nossa Constituição nos garante o direito à saúde, e aí tu não tens o direito a uma consulta com especialista, não te dão o medicamento; tu vais até à Defensoria e pede uma ação. Ou busca um bom advogado para cuidar do teu caso, do teu direito à saúde.

Tu fazes uma compra e o produto estraga um dia depois, começam a te enrolar, não te atender, não resolver o teu problema, não vacila jamais, faze valer o teu direito.

A lista é quase interminável, e como esta matéria tem a intenção de te cutucar, te fazer ver e crer nos Direitos, ficamos por aqui.

Nesta coluna e neste Jornal vamos a cada semana colocar novos elementos a que tu tens DIREITO.

ADELI SELL é professor, escritor e bacharel em Direito.

4 visualizações0 comentário